A Índia irá banir as criptomoedas?

Apesar de uma proibição regulatória não impedir as pessoas de enviarem e receberem criptoativos, ela pode complicar esse processo. Sendo assim, vamos analisar como o novo projeto de lei da Índia pode impactar as negociações de ativos digitais no país.

Em primeiro lugar, devemos apontar que esse projeto de lei não visa proibir o bitcoin e as altcoins, mas sim as moedas digitais privadas. Ou seja, os investidores indianos que negociam bitcoin, Ethereum e ativos semelhantes, não precisam se preocupar. Afinal, esses projetos são baseados em blockchains públicos. Por outro lado, quem negocia Monero, Dash e Zcash, devem prestar mais atenção nessa lei, pois são esses ativos que serão afetados por ela.

Diferença entre criptoativos públicos e privados

Um blockchain público, como o do bitcoin, mostra todas as transações que ocorrem na rede e são totalmente rastreáveis, mesmo que ofereçam um grau de anonimato sobre a identidade de seus usuários. Enquanto isso, o criptoativo privado, como o Monero que também é construído em um blockchain, oculta as informações da transação para oferecer privacidade aos usuários. Assim, vemos que o bitcoin oferece anonimato, mas o Monero já apresenta privacidade, se classificando como um ativo privado.

É realmente possível fazer uma proibição geral desses ativos?

Banir os ativos digitais não é uma tarefa fácil. Qualquer pessoa do mundo pode ter um ativo digital, desde que tenha um aparelho celular e internet, sem a permissão de alguma autoridade central. Isso porque criptoativos são códigos que não podem ser banidos. Ou seja, uma proibição regulatória pode não impedir que as pessoas continuem utilizando ativos digitais, principalmente os focados em privacidade.

Todavia, uma pressão regulatória pode atrapalhar a aquisição desses ativos porque as corretoras seriam obrigadas a retirá-los de sua plataforma. Só para exemplificar, quando a China proibiu os ativos digitais, a Huobi teve que interromper suas operações no país.

“O projeto de regulamentação da criptomoeda foi listado para a sessão de inverno. A descrição não mudou muito. Haverá especulação de ambos os lados. O bom é que mais pessoas dentro do governo estão cientes de como a criptomoeda funciona”, disse Nischal Shetty, CEO da WazirX.

Leia também: Bitcoin processou mais valor que o PayPal em 2021

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *