Bilionário mexicano investe 10% de seu portfólio líquido em Bitcoin

Ricardo Salinas Pliego, o segundo homem mais rico do México, é o mais recente bilionário a entrar no Bitcoin. Conforme observado pela Forbes, o fundador do Grupo Salinas vale US$11,7 bilhões. De acordo com a publicação de Pliego no Twitter, 10% de seu portfólio líquido está no criptoativo.

“Aqui estão alguns esclarecimentos sobre a minha postagem: 10% da “carteira líquida” está no BTC … não do meu patrimônio líquido! Os outros 90% estão em mineradoras de metais preciosos. Para mim, não é uma “debandada”, começou com Grayscale em 800 dlls BTC em 2016. Ricardo S”.

Apesar de estar exposto ao criptoativo, o bilionário não recomenda que as pessoas invistam cegamente no Bitcoin sem estudar.

“Hoje recomendo THE BITCOIN STANDARD, este livro é o melhor e mais importante para entender o #Bitcoin. O bitcoin protege o cidadão da expropriação do governo”.

O que motiva a atual entrada de grandes investidores no Bitcoin?

Sem dúvida mais investidores bilionários e envolvidos com tecnologia continuarão entrando no Bitcoin. Isso porque conseguem entender como o criptoativo é importante para a proteção contra impressão de dinheiro. Além disso, o BTC pode ser um porto seguro contra o aumento da inflação que irá surgir nos próximos anos.

Essas preocupações em torno da economia não são exageradas. Venezuela e Zimbábue, por exemplo, sofrem com a inflação e desvalorização de sua moeda. Sendo assim, recorrem aos ativos digitais para se protegerem. Enquanto o dinheiro fiduciário não para de cair, o Bitcoin continua voando e ultrapassando a marcando US$18.000.

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *