Cerca de 40% do BTC está concentrado nas corretoras Binance, Bitfinex, Coinbase e Huobi

De acordo com os dados da Chainalysis, as 4 maiores exchanges do mundo receberam cerca de 40% do Bitcoin mandado para as corretoras este ano. As demais exchanges do top 10, receberam uma leva de 36%. Como resultado, apenas 24% dos Bitcoins estão distribuídos nas bolsas menores.

Outro dado apontado pela empresa de análise de dados, é que apesar de os pequenos traders serem responsáveis pela maioria das transações, os negociantes profissionais controlam a maior parte do volume. Pequenos traders, de acordo com a Chainalysis, são os que depositam menos de US$10.000 em BTC. Enquanto eles estão colocando 96% do criptoativo nas exchanges, os traders profissionais se encarregam da liquidez. Esse último grupo responde por 85% de todo o valor em dólares do Bitcoin enviado para as corretoras.

Bitcoin e Ouro

Chainalysis também apontou que o suprimento de Bitcoin está semelhante ao do ouro. Sendo assim, fortalece o criptoativo mais uma vez como um ativo de refúgio.

“Esse ouro digital é suportado por um mercado de negociação ativo para quem prefere comprar e vender com frequência. Os 3,5 milhões de Bitcoin usados para negociação abastecem o mercado e, em interação com o nível de demanda, determinam o preço”.

Ademais, assim como o ouro, a maior parte do BTC é guardado por terceiros.

 “Cerca de 60% do Bitcoin que não é perdido é mantido por um serviço de custódia licenciado. A maioria das exchanges se enquadram nessa categoria, com as carteiras hospedadas”.

Conforme observamos, isso fez com que o crescimento de custódia dos criptoativos crescesse no decorrer dos anos. Um grande exemplo disso são os provedores de serviços de ativos virtuais (sigam em inglês VASP). Em suma, VASP fornece transações em nome de outra pessoa física ou jurídica, que move um ativo virtual de um endereço ou conta de ativo virtual para outro.

“O domínio dos VASPs se torna ainda mais claro quando consideramos que, dos 40% restantes do Bitcoin disponível, que atualmente não é detido pelos VASPs, 87% já passaram por um em algum momento. A maioria das pessoas mantém seu Bitcoin em VASPs ou adquire através de um.” 
Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *