Exchange faz previsão para o mercado de criptomoedas em 2022

A exchange Crypto.com decidiu analisar o mercado de criptoativos em 2021 e apontar o que espera para o próximo ano. De acordo com a corretora, em 2022 veremos uma ampla adoção do mercado de ativos digitais. Sendo assim, o número de usuários internacionais de criptoativos chegará a 1 bilhão até o final de 2022, segundo o relatório da Crypto.com.

“As nações não podem mais se dar ao luxo de ignorar o crescente impulso em direção à criptomoeda por parte do público. Em muitos casos, podemos esperar uma postura mais amigável em relação à indústria de ativos digitais”.

Nações podem se empenhar na regulação do mercado

“Esperamos que as nações desenvolvidas elaborem estruturas jurídicas e tributárias claras para ativos digitais. Paralelamente, mais nações que enfrentam uma economia altamente inflacionária e moeda em depreciação podem adotar a criptomoeda como moeda de curso legal, seguindo o exemplo de El Salvador”, apontou o relatório.

Criptoativos se tornarão destaques em carteiras do mercado tradicional

“A criptomoeda se tornará um acessório na classe de ativos alternativa para carteiras de investimento. Os primeiros ETFs de criptoativos lançados este ano foram atendidos com uma demanda além de sua capacidade, sugerindo que mais instrumentos digitais no setor financeiro convencional surgirão em breve”.

NFT e metaverso vão liderar a indústria blockchain

“Prevemos que o GameFi / Play-to-Earn será um dos principais veículos de conversão em massa para o espaço blockchain, com os estúdios de jogos tradicionais correndo para incorporar esses elementos em seus line-ups existentes… Os colecionáveis ​​NFT estão crescendo, com fotos de perfil NFT como um trampolim entre o metaverso e o mundo real conforme o espaço amadurece”.

Leia também: Bitcoin pode passar por correção de 80%

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *