IOHK lança fundo de US$250.000 para a comunidade Cardano

Conforme observado no blog da IOHK, a empresa por trás da Cardano oferecerá US$250.000 em financiamento público para o Projeto Catalyst. Ou seja, irá levar seu foco para fazer com que mais desenvolvedores criem aplicativos descentralizados no blockchain da Cardano. Além disso, os usuários que possuem ADA serão capazes de enviar suas idéias, colaborar, votar e conceder fundos para seus projetos “favoritos”.

Esse sistema de votação da comunidade será o primeiro componente da fase ‘Voltaire’ do roteiro de Cardano com previsão de lançamento para o final deste ano. Sem dúvida, a fase Voltaire é um bloco de construção crucial no ecossistema Cardano, pois permite que os titulares de ADA se envolvam na tomada de decisões sobre o desenvolvimento futuro da plataforma.

 

 “O ‘direito’ de voto será vinculado às participações de ADA de cada participante e lhes renderá recompensas adicionais por votar. A participação nesta primeira rodada de financiamento não impedirá os titulares de ADA de delegar seus ADA e ganhar recompensas normalmente. A votação funciona efetivamente como uma ‘transação’, permitindo que todos os participantes votem para indicar ‘sim’ ou ‘não'”. 

De acordo com a IOHK, o primeiro fundo público conteria até US$250.000 de ADA, que qualquer pessoa da comunidade poderia acessar e usar para implementar sua “proposta vencedora”. Ademais, o comunicado detalhou que outras propostas poderiam ser analisadas na plataforma ou no novo aplicativo de votação móvel, que estaria em desenvolvimento.

“Super entusiasmado por apresentar este crowdcast: https://crowdcast.io/e/fofg4hrz/register … Dor e sua equipe fizeram um trabalho extraordinário empurrando os limites da governança on-chain e estamos prestes a iniciar uma nova era para Cardano”, disse Charles Hoskinson, CEO da IOHK.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *