MetaMask permite compras de criptomoedas com o Apple Pay

Sem dúvidas, a Metamask é a carteira mais importante do mundo do DeFi e do NFT. 

Só para exemplificar, a wallet possui mais de 30 milhões de usuários ativos mensais. 

Sendo assim, é importante que ela tenha sempre atualizações que não só deixam os usuários mais seguros, mas também facilita a entrada de mais pessoas em seu ecossistema. 

Pensando nisso, a MetaMask anunciou diversos upgrades e um dos mais importantes foi a atualização da versão móvel da carteira que terá integração com o Apple Pay.

Mas Apple não suporta diretamente pagamentos de criptomoedas 

Tendo isso em mente, a equipe da Metamask decidiu utilizar os serviços Wyre, que suporta criptoativos e se integra ao Apple Pay.

Como resultado, os usuários da Apple e da Metamask podem comprar criptomoedas com cartões de débito ou crédito, eliminando a necessidade de enviar Ethereum para o aplicativo com antecedência.

No entanto, a quantidade de ativos digitais adquiridos será limitada. O máximo de compra diária será US$400 utilizando  artões Visa ou Mastercard e a API Wyre.

Embora a nova integração chame a atenção, a Metamask já está no mercado de compras com cartão de crédito através da plataforma de pagamentos Transak.

Livre das taxas de gas

Para utilizar a carteira de tokens, os negociantes de ativos digitais pagam taxas de gas nas transações de camada 1. Além disso, tem taxa da própria Wallet de 0,875% da transação.

Mas essa questão de taxas será resolvida com a atualização. A Metamask dará suporte  para transações sem gás. Ou seja, blockchains privados, projetos ou protocolos poderão pagar pelo gas em nome do usuário.

Leia também: Charles Hoskinson tem grandes expectativas para o próximo fork da Cardano

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *