Nova Zelândia lança seu primeiro fundo de investimento de bitcoin

De acordo com os dados do portal Stuff, o Vault International Bitcoin Fund se tornou o primeiro na Nova Zelândia a ser totalmente focado no bitcoin. Através desse fundo, os investidores do país poderão  adicionar a classe de ativos ao portfólio sem ter que possuí-la diretamente.

“Vemos isso como uma ótima maneira de as pessoas obterem essa exposição sem ter que fazer todas as partes mais complicadas e técnicas elas mesmas”,  comentou Janine Grainger – Co-fundadora da Vault Digital Funds.

Grainger apontou que o fundo terá um foco um pouco diferente do que a maioria dos fundos de investimento tradicionais. Isso porque ele é ideal para perfis de investidores com planos para investimento de mais de 10 anos.

A empresa não deixou de alertar os riscos que envolvem atividades com bitcoin

“Bitcoin não é apropriado para todos. Isso é algo que as pessoas não deveriam considerar levianamente”, declarou Vinnie Gardiner, CEO e cofundador da Vault Digital Funds.

Anthony Edmonds, diretor-gerente da Invest Now, reforçou a cautela que os investidores devem ter com o BTC

“Este é um daqueles fundos em que vamos estar à frente e dizer às pessoas, olhe, ‘isso é arriscado’. Bitcoin é uma classe de ativos muito volátil, é preciso cautela quando as pessoas investem nele ”, afirmou Edmonds.

Nova Zelândia tem se interessado por investimentos relacionados ao criptoativo primário

“Nos últimos três anos, tenho tido conversas em que as pessoas dizem que o bitcoin é uma farsa, ou um modismo, algo a ser evitado. Mas recentemente tenho ajudado mais e mais pessoas a alocar uma parte de seu portfólio nisso”, disse Darcy Ungaro, consultor financeiro autorizado.

Leia também: Axie Infinity dispara com US$2 bilhões apostados em sua plataforma

 

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *