O Irã poderá usar as criptomoedas para superar crise!

 

O Irã está se aproximando da crise financeira devido a sanções, mas o país ainda pode recorrer as criptomoedas para obter ajuda.

O Irã está em um péssimo momento, já que as autoridades americanas afirmam que as finanças do país podem estar em uma situação pior do que eles acreditavam. A economia danificada do país vem provocando protestos há um tempo, e o Irã está se aproximando cada vez mais de uma crise financeira.

Depois que as sanções interromperam as exportações de petróleo de Teerã, algumas perdas importantes foram sentidas em todo o Irã. Desde então, o país tentou fugir das sanções, o que suavizou um pouco o golpe, embora não tenha sido muito bom a longo prazo. No momento, o governo do Irã está usando a última de suas reservas em moeda estrangeira, indicando que qualquer controle que o governo possa ter sobre a importação de suprimentos e equipamentos poderá em breve ser perdido.

Em breve, o Irã provavelmente se encontrará em uma situação mais terrível do que há seis anos atrás, quando o presidente Hassan Rouhani e seu governo foram pressionados a negociar armas nucleares.

Por enquanto, é difícil prever o que pode acontecer com a economia do Irã no futuro, pois existem muitos fatores desconhecidos que ainda podem mudar. Além disso, algumas informações que os EUA receberam de seus aliados sugerem que o Irã pode ter uma receita não contabilizada que poderia ajudá-lo em períodos difíceis como esse.

Como alternativa, o país poderia simplesmente contrabandear seu petróleo e trazer suprimentos, embora as autoridades americanas duvidem que o efeito das sanções possa ser compensado pelo contrabando. Como essa análise provavelmente está correta, outra opção para o Irã é recorrer a criptomoedas para obter ajuda.

O irã pode encontrar uma saída através da criptografia

Criptomoedas como o Bitcoin são conhecidas por várias qualidades, como sua natureza sem fronteiras, alcançadas por meio da descentralização. Essa forma de dinheiro digital não está sob controle de ninguém, o que significa que os EUA não podem fazer muito para impedir o Irã de usar Bitcoin e outras moedas e tokens.

Alguns dias atrás, a Bloomberg informou que o Irã planeja fabricar US$ 11 bilhões em vários produtos nos próximos dois anos, a fim de substituir as importações e encontrar uma maneira de lidar com as sanções lideradas pelos EUA.

Por outro lado, o Wall Street Journal informou recentemente que as autoridades americanas acreditam que o Irã esteja em estado de “pânico”. Esta declaração refere-se a vários relatos de agressão ao fornecimento de energia, que o Irã negou. Ainda assim, o problema está no dinheiro, já que as reservas cambiais do Irã estão estimadas em US$ 86 milhões – 20% abaixo do nível relatado em 2013. Com uma situação como essa, as autoridades americanas acreditam que o Irã terá que voltar às negociações ou queimar ainda mais de suas reservas.

Apesar disso, um relatório do início deste ano aponta que as empresas iranianas poderiam explorar o anonimato da criptomoeda e contornar as restrições americanas. De fato, as ameaças de sanções americanas eram historicamente mais que suficientes para controlar o Irã, até que pagamentos anônimos em moedas digitais se tornassem uma possibilidade.

O Tesouro dos EUA parece estar bem ciente disso, pois alertou os mercados digitais contra a negociação de Bitcoin com empresas e indivíduos com base no Irã. Alguns sites de negociação começaram a bloquear compradores que foram confirmados como sendo do Irã, enquanto outros chegaram a confiscar os fundos de clientes iranianos.

No entanto, acredita-se que sejam incidentes isolados, já que a própria natureza das criptomoedas as torna extremamente difíceis de controlar ou até monitorar. Simplesmente não há como duplicar as sanções bancárias quando se trata de criptografia, e é por isso que o governo iraniano pode contar com ativos digitais para contornar as restrições atuais e encontrar uma maneira de sobreviver às sanções dos EUA.

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *