O que está por trás do aumento de 20% da IOTA?

Nas últimas 24 horas, a IOTA passou por uma alta de 20%, mesmo com o mercado de criptoativos mostrando incertezas. Mas o que está por trás desse aumento? Ele pode estar ligado ao avanço do desenvolvimento de ecossistema de múltiplos ativos da IOTA. A fundação lançará uma rede de teste, Shimmer, para testar seu novo recurso de staking para seus tokens.

O novo recurso é projetado para promover a distribuição justa de tokens para novos ativos digitais. Além disso, ele capitaliza o processo de distribuição de ativos, que já ocorreu para a própria altcoin e que a fundação apontou como justa.

“Com a introdução do staking na IOTA, queremos tornar os lançamentos de tokens justos acessíveis a toda a comunidade e dar aos inovadores a oportunidade de incentivar uma comunidade grande e apaixonada”, diz o anúncio divulgado no início desta semana.

Como os stakers serão recompensados?

Semelhante ao bitcoin, a IOTA tem um supply fixo. Ou seja, os stakers não podem ser recompensados ​​com seu token nativo. Dessa maneira, a equipe do ativo digital decidiu que a recompensa será feita através de novas redes ou novos aplicativos de ativos digitais. Os stakers na rede Shimmer, por exemplo, podem apostar IOTA e serem recompensados ​​em tokens Shimmer.

Como será o processo de staking?

“O staking de tokens IOTA é feito através de uma simples transação dentro da carteira Firefly para indicar à rede o início da participação no staking de tokens. Todos os nós na rede IOTA usando o novo plug-in de staking podem reconhecer e processar informações de staking, gravá-los individualmente e calcular recompensas associadas a quaisquer endereços IOTA nos quais o staking tenha sido ativado”.

Mais informações sobre o staking serão fornecidas no Twitter oficial da Shimmer.

Leia também: Por que o mercado de criptomoedas está caindo?

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *