Polkadot cresce 60% em seis dias. Saiba o motivo

Sem dúvida, um dos correntes do Ethereum que mais se destacou em 2020 foi o Polkadot (DOT). Só para exemplificar, em poucos dias de seu lançamento, ele chegou a ser negociado no top 10 do mercado de criptoativos, de acordo com os dados do CoinMarketCap. Além disso, nos últimos dias apresentou altos ganhos, logo após receber uma nova adoção da Binance.

Em 24 de dezembro, por exemplo, o DOT estava sendo negociado a US$4,77. Apenas seis dias depois, estava em uma alta acumulada de 60%. Como resultado, passou a ser negociado a US$7,65.

De acordo com o novo anúncio da Binance, a corretora irá financiar US$10 milhões para projetos construídos no ecossistema do Polkadot. Esse investimento vem com o intuito de levar as experiências das finanças descentralizadas a seus usuários.

Logo após o anúncio, a Polkadot substituiu o Ethereum na página inicial de Binance. Ou seja, o DOT ganhou mais visibilidade e terreno para rivalizar com a principal altcoin do mercado.

“Polkadot é um ecossistema de blockchain de crescimento rápido que suporta mais de 300 projetos de ecossistema até o momento, incluindo o recém-lançado Reef Finance. Como um ambiente operacional de várias cadeias, o Polkadot oferece suporte a registros, computação, ativos e transferência de dados entre cadeias”, apontou a Binance.

O que é o Polkadot

Em suma, ele é uma rede de blockchain que resolve muitos problemas existentes no espaço de criptoativos, como facilitação de transferência de qualquer dado. Ou seja, não apenas tokens entre blockchains.

Já o token DOT, possui três finalidades. Ele é um token de governança. Sendo assim, seus detentores possuem controle do protocolo. Além disso, ele permite que seus proprietários depositam seus tokens para manter a rede segura. Por fim, o DOT também permite que os titulares coloquem os tokens para criar novos parachains.

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *