Pressão regulatória molda novo white paper para o Libra do Facebook

Logo após o surto da pandemia do coronavírus, um dos assuntos mais comentados de 2019, a stablecoin do Facebook, saiu de manchete. Contudo, a Libra Association não deteve seu projeto e já anunciou novos planos para um dos ativos digitais mais aguardados de todos os tempos.

De acordo com a associação, sua pretensão original de um ativo estável global atrelado a várias moedas nacionais e títulos de Tesouro dos EUA não será mais a visão principal do projeto. Ou seja, agora a associação pretende utilizar muitas stablecoins, onde cada uma representará uma moeda fiduciária, como dólar americano e o euro, por exemplo.

Entenda o motivo da mudança

Certamente a medida tomada pela equipe do Libra trará mais tranquilidade aos reguladores que não ficaram satisfeitos com o anúncio do lançamento da stablecoin. Conforme observado na carta de apresentação anexada ao white paper revisado do Libra, as imposições políticas são confirmadas como o motivo da mudança. O anexo expôs o quão preocupado os governos de todo o mundo estão com a interferência do Libra na soberania e política monetária, pois o Facebook já trará uma base de 2,5 bilhões de pessoas como possíveis usuários.

Com a nova mudança, mesmo que os pagamentos domésticos no Libra cresçam em grande escala, a ampliação da rede, incluindo stablecoins de moeda única, não trará tanto temor. A fim de dar mais um aceno para os reguladores, o Libra exibirá um modelo abrangente em torno de lavagem de dinheiro e combate ao financiamento de terrorismo. Ademais, a associação pretende criar um design para proteger os consumidores “até nas situações mais adversas”.

Apesar de não ser mais o foco, uma stablecoin emitida por várias moedas ainda está nos planos da associação. Todavia, ela será apoiada pelos novos criptoativos estáveis da Libra Association e não diretamente por fiat. Até o momento, a Associação apresentou quatro moedas soberanas com as quais deseja trabalhar: dólar americano, euro, dólar de dingapura e libra estrelina.

Como ficará os planos iniciais de inclusão financeira do Facebook

A revisão do white paper destaca que a stablecoin será mais compatível com as recomendações regulamentares, pois foi escrito com base nas diretrizes dadas pelo GAFI. Dessa maneira, pessoas e entidades não regulamentadas terão uma limitação na utilização da rede.

A nova posição do projeto apoiado pelo Facebook também renunciou os planos de transição para uma rede sem permissão. Assim sendo, destrói a ideia de que o Libra será uma rede verdadeiramente aberta. A nova missão do Libra é atuar como uma plataforma que ajudará nas transferências de dinheiro entre pares, mas não ameaçará a soberania dos atuais sistemas monetários.

Concluindo, o novo white paper pode sim conseguir uma luz verde dos reguladores, mas ao preço de prejudicar a inclusão financeira tão promovida pelo Facebook ao anunciar o Libra.

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *