Qual seria o pior e o melhor cenário para as criptomoedas em 2021?

Conforme observado nos últimos dias, o bitcoin não para de corrigir e levar o mercado de altcoins com ele. Um dos pontos que impactou negativamente o ativo digital foi a China informar que estaria atacando a mineração de BTC no país e essa repressão conseguiu atingir o principal centro de mineração de Sichuan.

Como andam os principais ativos do mercado?

  • Bitcoin: correção de 6.29% nas últimas 24 horas
  • Ethereum: correção de 8.30% nas últimas 24 horas
  • Binance Coin: correção de 5.09% nas últimas 24 horas

Até onde poderia chegar essa correção?

Ao observar esse cenário, o analista de pseudônimo Plan B apontou que o BTC poderá continuar caindo no segundo trimestre de 2021.

Catalisadores para essa queda?

  • Influência de Elon Musk
  • Pressão negativa da China

 

Pior cenário e mudança de tendência

“O Bitcoin está abaixo de US$34 mil, como resultado do FUD de energia de Elon Musk e pela repressão à mineração na China. Há também uma razão mais fundamental pela qual vemos fraqueza em junho e, possivelmente, julho. Meu pior cenário para 2021 (preço / baseado on-chain): agosto> 47K, setembro> 43 K, outubro> 63 K, novembro> 98 K, dezembro> 135 K”.

 

Leia também: O que esperar para o próximo halving do bitcoin?

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *