Quem reinará no DeFi? Ethereum ou Polkadot?

Sem dúvida, não há nada mais quente no mercado de criptoativos que o DeFi. Essa indústria apresenta um forte desenvolvimento e há muitos ativos que estão se destacando nela. Certamente nada é tão grande como o Ethereum. Quando apontamos a altcoin preferida para a criação de aplicativos e tokens DeFi, o ETH aparece de longe como a referência.

Contudo, o criptoativo ainda tem algumas limitações que precisam ser consideradas. Além disso, são elas que podem ser seu calcanhar de Aquiles e fazer com que ele não seja o futuro das finanças descentralizadas. Suas taxas de gás, por exemplo, não param de atingir grandes altas.

Limitações que elevam as taxas do Ethereum

Atualmente, a rede do Ethereum processa cerca de 10 a 14 transações por segundo. Esse número pode chegar a 30, caso os blocos sejam totalmente otimizados. A contagem é baixa, pois o ETH suporta 476 transações por bloco. Além disso, cada bloco é extraído a cada quinze segundos.

Como resultado dessa limitação, vemos o aumento de taxas, algo que traz muita dor de cabeça para os detentores de DeFi vindos da altcoin. Em conjunto com o crescimento recorde das transações no blockchain do ETH, veio o crescimento de taxas para garantir tempos de confirmação rápidos. Em janeiro desse ano, por exemplo, essas taxas chegaram a uma média de US$16.

Polkadot, uma resposta aos problemas do Ethereum


Polkadot nasceu com o intuito de ser uma rede potente que resolve os problemas de escalabilidade e taxas que afetam muitos blockchains. A altcoin permite que blockchains heterogêneos interoperem entre si através de sua cadeia de retransmissão central. Além de permitir que haja implementações de blockchain específicas do aplicativo que pode ser lançado na Polkadot como um parachain, ela possibilita que blockchains pré-existentes possam se conectar ao ecossistema através de adaptadores especializados conhecidos como pontes.

Essas funcionalidades permitem uma rede mais escalável, pois um parachain atua como um único fragmento no ecossistema Polkadot. Ou seja, há um aumento na capacidade da rede e as taxas aparecem inferiores. De fato, essa é uma excelente estrutura para o DeFi. Os aplicativos das finanças descentralizadas poderão conversar com outros blockchains e ainda desfrutar de taxas baixas e de uma rede escalável. Polkadot mostra que pode, de fato, ainda tirar muito mercado do ETH.

 

Leia também: Transações de USDT na Tron ultrapassam as transações no Ethereum

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *