Shiba Inu vs. Dogecoin: Quem irá sobreviver?

Diante do pânico do mercado com as recentes quedas iniciado na semana passada, tanto Shiba Inu quanto Dogecoin estão sendo colocados a prova. Minimizar as perdas recentes não é algo simples, as duas moedas conseguiram uma pequena recuperação diante da forte queda sofrida recente, e em seguida voltaram a cair. Dogecoin até a data deste artigo está sendo cotado a US $0.09307 -16.39% nas últimas 24 horas e perda acumulada em -28.81% nos últimos sete dias, já Shiba Inu está sendo cotado a US $0.00001356  -16.55% nas últimas 24 horas e perda acumulada de -33.13% nos últimos sete dias.

Shiba Inu mostra-se resiliente

Shiba Inu mostrou que tem habilidades de sobrevivência contra tendências negativas do mercado cripto. Shiba Inu (SHIB) teve um inicio lento em 2022, caindo 70% nos primeiros três meses do ano. Uma das criptomoedas mais baratas do mercado parecia entrar em tendência de extinção, no entanto, começou a se recuperar em março de 2022 tendo um crescimento modesto até então. Mais a recente queda do mercado fez a Shiba Inu atingir seu menor nível em 7 meses.

Comunidade DOGE continua otimista

Dogecoin (DOGE) é apoiada por um grupo grande de pessoas muito influentes, como por exemplo Snoop Dogg e Ice Cube que fizeram grandes negócios em DOGE recentemente, esta queda não parece ser uma grande preocupação para a comunidade DOGE. O fundador e ex-CEO da Amazon Jeff Bezos seguiu Shibetoshi Nakamoto, o criador do Dogecoin (DOGE), no Twitter, mantendo assim a confiança da comunidade em alta com este projeto. Investidores confiantes nesta criptomoeda afirmam que esta recente queda é um bom momento para “todos que querem comprar a um preço mais baixo antes do grande pico”.

 

Kamoney
A forma mais prática de utilizar suas criptomoedas no dia a dia. Acesse agora https://www.kamoney.com.br

Vinícius Simões

Fundador da Lojabit.com e Co-fundador da Kamoney. Entusiasta de criptomoedas desde 2014.

Vinícius Simões has 63 posts and counting. See all posts by Vinícius Simões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *